Home Política Liga Popular: Organizar o Povo Contra a Crise Sanitária e o Velho Estado
Política - 8 de abril de 2020

Liga Popular: Organizar o Povo Contra a Crise Sanitária e o Velho Estado

(A divulgação da seguinte nota foi autorizada pela Liga Popular e seus órgãos de direção)

A atual crise sanitária não tem como força motriz, principal, o próprio Corona Vírus.

As várias mortes, bem como a paralisia econômica, decorrem das políticas genocidas do Velho Estado conduzidas pelo fascista Jair Bolsonaro, os generais do ACFA e o restante da camarilha antipovo no poder.

Essa situação, longe de representar obstáculo insuperável, representa enorme oportunidade para que cada democrata auxilie e agite as massas populares para uma ação de combate frontal.

Os democratas e autênticos revolucionários, para travar tal combate, devem formar pequenos grupos, mobilizar desde sindicatos a associações de moradores, visando exigir do governo — de modo coletivo e organizado — a obtenção de itens de higiene e tratamento à doença necessários, além de recrutar profissionais da saúde que possam fornecer atendimento e apoio ao povo; formando, portanto, comitês populares de saúde pública.

Onde a instauração de comitês não foi possível, é necessário distribuir orientações necessárias à prevenção da doença, assim como instruções gerais sobre a higiene pessoal.

Com estas ações, os verdadeiros democratas e revolucionários do Brasil demonstrarão que só trabalhadores cuidam dos trabalhadores e, com isso, semearão o necessário para a derrubada do Velho Estado (além das bases para um sistema sanitário universal e popular), estabelecendo ainda mais sólido contato com as massas.

Avante!
Levantemos o povo contra a doença e o Velho Estado!